Conexão Digital
14/11/2019
10 erros que as empresas cometem nas redes sociais

As empresas cada vez mais investem no Marketing Digital como maneira de alavancar suas vendas. Isso porque, o comportamento da sociedade se modificou nos últimos anos, e hoje é muito comum fazer tudo on-line. Logo, as empresas, pensando em não perder seu público, começaram a mudar sua estratégia pensando não só vender, mas também se comunicar com seus clientes via web.

No entanto, muitas empresas cometem alguns erros quando se fala em presença digital, especialmente quando não é contratada uma empresa especializada. Listamos abaixo alguns dos erros mais comuns que empresas cometem nas redes sociais:

1 - Não ter estratégia
Muitas pessoas acreditam que basta realizar algumas postagens para que mais pessoas conheçam a sua marca. Esse erro é bastante comum, especialmente em pequenos negócios.

O que muita gente não sabe, é que o marketing digital precisa de estratégia. É necessário entender como o seu público se comporta e quem é esse público. Uma loja que tem como público alvo jovens e adolescentes, por exemplo, não terá tanto engajamento no Facebook. Isso porque atualmente (2019), esse perfil costuma utilizar outras redes sociais.

Além disso, é importante entender que tipo de postagem, melhor horário para as postagens e a frequência que funciona melhor para o seu negócio, além de quais as palavras certas para usar em suas postagens.

É muito importante também, levar em consideração quais os riscos que você pode correr e estar sempre ligado ao que está acontecendo na web.

2 - Não integrar esforços de marketing digital
Outra ponto importante é que, muitas empresas fazem postagens no Facebook, no Instagram, enviam newsletters, etc. Se os conteúdos não conversarem entre si, a estratégia não funciona.

Por exemplo: Uma empresa quer vender um produto x para um público determinado, mas envia conteúdos diferentes, sobre produtos diferentes para esse público, a empresa não gera necessidade daquele público adquirir o produto. É importante que seu cliente entenda que ele tem aquela dor e seu produto irá resolver essa dor.

3 - Falta de acompanhamento
É importante que aconteça uma supervisão do que está sendo postado, para que possíveis problemas sejam evitados. Além disso, um calendário com a apresentação da estratégia é essencial.

Por isso, é importante que o responsável por essa atividade seja um profissional especializado. Uma equipe contratada para trabalhar dentro da sua empresa ou uma agência de marketing digital são garantias da especialização da atividade.

4 - Falta de atenção ao conteúdo postado
É importante entender que quantidade não é sinônimo de qualidade. O conteúdo digital deve estar de acordo com a cultura da sua empresa. Não adianta de nada postar um vídeo fofinho se o seu público não se interessa por esse conteúdo, ou postar algo muito descontraído se o seu público é mais sério. É necessário entender por qual conteúdo o seu público se interessa mais, com o que ele se identifica.

5 - Hashtags erradas
Usar Hashtags pode ser o seu grande trunfo, mas também pode ser o maior erro que a empresa comete, se ela não entende quem ela deseja atingir. A Hashtag não pode ser usada para que “a legenda seja moderna”, afinal, ela também faz parte da estratégia.

É importante que a Hashtag fortaleça a sua empresa, ou seja, ela é também responsável pelo impulsionamento e alcance da sua marca.

6 - Falar somente dos seus serviços
Se em quase toda postagem você falar sobre o seu serviço, sem pensar em conteúdos em que o seu serviço esteja implícito (este artigo é um exemplo disso), você pode perder público. Muitos usuários, quando veem anúncios da mesma coisa por muito tempo, chegam até a parar de seguir aquela empresa.

Isso acontece porque as redes são um ambiente de interação. As pessoas não querem somente receber conteúdo, mas também participar. Os consumidores, querem além de conhecer, dar feedbacks para que sua marca seja cada vez melhor e mais compatível com os desejos deles.

Você pode, obviamente, fazer publicidade do seu serviço ou produto, mas as redes não são um espaço só para isso. Com diversificação, criatividade e conteúdo de qualidade, as chances de captação e fidelização de clientes é muito maior.

7 - Frequência de postagens
Não adianta elaborar uma estratégia e não colocá-la em prática. Por isso, é importante, como já dito anteriormente, manter um calendário de postagens e fazer análises desse calendário, verificar o que deu certo e o que não deu certo.

A fidelização e a conquista de novos clientes vêm a partir desse acompanhamento. Um cliente que deseja adquirir o seu produto e encontra vocês no Instagram ou Facebook, mas observa que a última postagem que vocês realizaram foi de meses atrás, dificilmente vai escolher a sua empresa para solucionar a dor.

Se vocês não conseguem atualizar constantemente determinada rede, é melhor que não a utilizem. Garanta que seu público esteja sempre atualizado sobre o seu serviço ou produto e utilize apenas as redes que vocês conseguem manter.


8 - Não conhecer seu concorrente e nem copiá-lo
É importante conhecer quem é a sua concorrência, pois assim você consegue ter sempre bons e maus exemplos. Se um concorrente seu faz poucas postagens e não tem o marketing digital especializado, as suas chances no mercado são maiores. Caso o seu concorrente possua um marketing muito bom, utilizar ele como inspiração e ter esse concorrente como base para crescer cada vez mais é uma tática boa.

Mas lembre-se: conhecer não é copiar. É possível se inspirar, mas é importante ter criatividade e fazer sempre algo que faça sentido para sua marca, porque apesar de ter o mesmo produto ou público, vocês são empresas diferentes, com valores diferentes. Copiar pode te trazer, além de problemas legais, problemas com seu público.


9 - Responder com falta de educação a clientes que avaliaram negativamente
Educação é sempre a chave para ter um bom relacionamento com seu público. Quando um cliente te avalia negativamente, significa que ele não está satisfeito com o seu produto ou serviço. Por isso, é importante que você analise com atenção qual a crítica que seu consumidor está fazendo. Caso ela seja verdadeira, converse com sua equipe e busque maneiras para melhorar esse serviço.

É ruim ler uma avaliação em que o próprio cliente está sendo mal educado. Nesse caso, mantenha a calma, pense em uma resposta educada e caso a crítica seja uma inverdade, não se estresse com a situação.

Independente da crítica, nunca deixe de responder o seu público. Para que seu público não fique sem resposta, é indicado que se tenha um social media controlando suas interações.

10 - Conteúdo superficial
O seu conteúdo deve ter valor para o seu público. Por isso, não faça conteúdos somente por fazer. O seu conteúdo deve instigar o seu público, fazer entender que ele necessita daquele produto. Além disso, o conteúdo, propriamente dito, deve ser útil para o público.

Gostou das nossas dicas? Vamos conversar sobre o seu projeto de Internet?
Entre em contato pelo nosso formulário do site, ligue para (48)3233-0606 (nosso número fixo também é Whatsapp).